Botando o BloQ na rua

BloQ – Etnicidade, Direitos e Quilombos – surgiu da idéia de constituirmos (mais um) espaço para análise da conjuntura quilombola no Brasil. Talvez mais: pensar políticas de reconhecimento étnico na América Latina. Ou alguma coisa entre… discutir, analitica e propositivamente, a agenda dos direitos multiculturais, produzir conhecimento fora da academia, levantar poeira, testar consensos e dissensos. Esperamos que os  comentários ensejem um debate que se prolongue por outros foruns materiais e imateriais, e que o BloQ resista para além da empolgação dos seus autores…

BloQ é composto por uma equipe de blogueiros/articulistas: José Maurício Arruti, antropólogo e coordenador do LaPF- PUC/Rio; Jan Hoffman French, antropóloga e professora da Universidade de Richmond; Cesar Baldi, Professor de Direito Constitucional da ULBRA e André Videira de Figueiredo, sociólogo, antropólogo e professor da UFRRJ.

Sejam bem vindos e não poupem comentários.

André Videira de Figueiredo

Anúncios

3 respostas em “Botando o BloQ na rua

  1. Prezad@s,

    quero parabenizar pela iniciativa do blog que aboradará tema importantes e desconhecidos pela maior parte da população brasileira. Me chamo Luciano Falcão e desde 2004 trabalho no assessoramento jurídico para o QUilombo de Acauã/RN. Parabens e bola pra frente!

    • Olá Luciano,
      Sou adovogada também (dos EU) e também tenho interesse nas interligações entre advogados e antropólogos. Você trabalha num escritório dos advogados?

  2. Parabéns pelo blog,,sou quilombola kalunga do municipio de Cavalcante -Go – estamos passando por uma situação dificil aqui no quilombo pois querem implementar uma PCH ( pequena central hidrelétrica) dentro do quilombo. a maioria da comunidade é contra pois nem compensação eles flaram e dar para comunidade somente o municipio terá incetivos fiscais q não tem amarrações nenhuma com a comunidade. Nos em 1991 fomos reconhecido pelo governo estadual como Sitio Histórico e em 2004 o presidente Lula teve aqui fazendo o lançamento do Program Brasil Quilombola prometeu várias ações pouco foi realizado o principal que é o Decreto da regularização fundiária não foi resolvido. Tivemos informação que o nosso processo estava na casa Civil até mês passado esse mês ja estava na mesa do presidente para assinatura so que ontem me informaram q foi retirado por causa da maldita PCH e agora estamos meios que sem saber o q fazer pois o suposto proprietario dessa PCH são a familia CAIADO bem temida no estado que pegou algumas lideranças e levaram até Brasília onde se expuseram a favor dessa empresa so que a comunidasde está sendo prejudicada como um todo.
    Gostaria de saber posicionamento de vcs a respeito desse desabafo!
    Obrigada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s